Preloader

Sociedade

Papai Noel coadjuvante: no Natal da Noruega, quem brilha é o Julenisse

sexta-feira, 21 de dezembro de 2018
Papai Noel coadjuvante: no Natal da Noruega, quem brilha é o Julenisse

Se você visitar a Noruega no período natalino, não estranhe se, em vez de se deparar com Papai Noel, conviver com a onipresença de um gnomo barbudo. É o Julenisse - ou, literalmente, gnomo de Natal -, o personagem-símbolo das festas de fim de ano do país.

LEIA TAMBÉM:
Noel também é cultura: na Islândia, a tradição é trocar livros no Natal
Como Rovaniemi, na Finlândia, renasceu das cinzas até virar a terra do Papai Noel
No dia de Santa Luzia, suecos têm uma das mais importantes tradições de fim de ano
Selo postal natalino surgiu na Dinamarca, que mantém a tradição desde 1904

O nisse, ou gnomo, uma figura do folclore escandinavo, também é comumente visto nas celebrações natalinas da Suécia. Embora Julenisse e Papai Noel tenham características em comum - especialmente a longa barba branca e o gorro vermelho -, eles não são versões em tamanhos diferentes do mesmo personagem, mas sim figuras distintas.

"Temos uma grande figura de Natal, internacional, que vem do Polo Norte com um trenó cheio de presentes para crianças bem comportadas. E temos também o pequeno norueguês", diz Ane Ohrvik, historiadora e professora associada do Departamento de Estudos Culturais da Universidade de Oslo, segundo o jornal Aftenbladet. "Eles têm origens bem diferentes."

Muitas famílias mantêm a tradição de vestir-se como nisse e trocar presentes de Natal, um costume adotado pela Noruega no fim do século 19. No país, assim como no Brasil, a ceia e a troca de presentes costuma ocorrer na noite do dia 24 de dezembro.

E o protagonismo do Julenisse não é a única característica bastante próprio do Natal norueguês. Uma lenda do país afirma que a véspera de Natal concentra atividades de bruxas e outros espíritos malignos. Assim, muitos moradores do país escondem todas as suas vassouras para que não possam ser usadas por essas entidades.

(Foto: jpellgen)